Você precisa ler

FOTO BLOG copy“Não prometo sorrisos nem lágrimas, mas é provável que aconteçam.”

São essas as primeiras palavras do livro Precisava Escrever, do Rafael Magalhães. E como aconteceram, viu? Perdi as contas de quantas vezes alguém veio meu perguntar se estava tudo bem enquanto eu lia/chorava na escola, no ballet ou na rua. Me emocionei mesmo e, como já era de se esperar, me identifiquei com quase todas as linhas escritas.

O livro reúne poemas, contos e crônicas do professor de Educação Física goiano Rafael Magalhães. Alguns dos textos fizeram muito sucesso no blog Precisava Escrever, outros são inéditos, mas eu garanto: a maioria vai mexer com você.

O que eu gosto no Rafael, e acho que por isso sou leitora assídua do blog dele, é que ele vai lá no fundo do seu coração e toca naquela ferida que você tenta fingir que não existe. Só que ao invés de aumentá-la pela lembrança, ele te ajuda a fechá-la e seguir em frente.

E, mais do que nunca, o livro me deu essa sensação. A cada texto eu precisei parar e refletir sobre a minha vida. Desde a minha relação com minha família até decepções amorosas passando pelo amor por meus ídolos minha forma de ver o mundo. Rafael me entende como se espionasse meus percalços, e tenho certeza de que não é só comigo que acontece.

Falei aqui no Adolescente Demais sobre o dia em que pude dar um abraço nele e comprar o livro, que eu devorei em dois dias. Quando comecei a ler, resolvi anotar os textos que eu mais gostasse. Como anotei quase o livro inteiro, precisei fazer algumas seleções para contar para vocês. Não me peçam para escolher meu favorito, é muito difícil!

Chorei no meio da sala de aula ao me encontrar no texto “Tudo bem para você?” e o mesmo aconteceu em “Quando você partiu”. “Você por perto” me emocionou pela surpresa no final. “O último dia de Lucas” e “O milagre de Andréa” são belas lições de vida, enquanto “Tudo aquilo que nunca foi dito” e “Minha última bênção” me fizeram rever muita coisa na minha vida, além de terem feito um rio transbordar de meus olhos.

Posso citar também o “O reencontro de Amanda”, “Como lidar com uma mulher na TPM”, “A sorte de Rodrigo”, “Nosso ponto final”, “Fica mais um pouco?”, “Quadrilha moderna” e “Deixe ela passar”. Acho que esses foram meus favoritos e provavelmente esqueci de algum.

Além dos textos belíssimos, o livro do PE tem uma diagramação linda, com frases soltas dos textos e ilustrações divertidas também. Para cada amiga que eu mostrava um texto ou uma frase eu recebia a mesma reação: “Meu Deus, eu preciso ler isso.” Aliás, ele está emprestado e já tem uma fila a sua espera…

Na real, acho que todo mundo tem que ler. Rafael Magalhães atende a todas as idades e preferências. Quer alguém que te entenda, te emocione e faça bem? Então você precisa ler o Precisava Escrever.

Bruna Paiva

Siga @ADemaisblog  no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog no Instagram

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s