8 livros com mulheres incríveis

Imagem: Reprodução

Olá, pessoal! Hoje, 8 de março, é o tão importante dia internacional da mulher. Para homenagear essa data fundamental para a nossa sociedade, eu separei uma lista com 8 livros que trazem mulheres incríveis como assunto ou personagens da trama!

 

  • 1822 – Laurentino Gomes

O segundo livro da série em que Laurentino Gomes conta a História de nosso país traz o drama da Princesa Leopoldina. Uma mulher que se casa por política com o Imperador D. Pedro e acaba sendo traída pelo marido, por quem já havia se apaixonado. Leopoldina é obrigada a lidar com isso e sofre muito durante toda sua vida aqui no Brasil. Apesar de tudo, ela se mantém forte pelos filhos e pelo país.

A princesa é uma das figuras mais importantes da época para a História do Brasil. Inteligentíssima, Leopoldina tinha conhecimentos sobre botânica e lutava pelas causas em que acreditava. Chegou a defender a independência do país e era venerada pelos brasileiros da época. A história da Princesa Leopoldina vai dar vida à próxima novela das 6, na Rede Globo.

 

  • Que Falta Você Me Faz – Harlan Coben

Nesse livro, Kat Donovan é uma detetive que passa pelo assassinato do pai, ao mesmo tempo que é deixada pelo noivo. Anos depois, Kat encontra evidências que podem desmentir tudo o que se sabe sobre o crime que matou seu pai. Sem o apoio dos encarregados pelo caso, ela resolve investigar sozinha, enquanto tenta ajudar um adolescente a descobrir o paradeiro de sua mãe. A Kat passa por muitos perrengues durante toda a trama e deixa bem claro que mulheres podem ser (e são) verdadeiras asskickers.

 

  • Eu sou Malala – Malala Yousafzai

Como não citar Malala Yousafzai? Não importa quantas vezes me perguntem exemplos de mulheres importantes e fortes, eu SEMPRE citarei Malala. Essa menina, pouco mais velha que eu, é um dos maiores exemplos de ativistas femininas que temos hoje no cenário mundial. A história da paquistanesa que resolveu lutar pelo direito das meninas irem à escola é inspiradora. No livro Eu Sou Malala, que tem diversas versões, voltadas para públicos distintos, ela conta sua emocionante trajetória.

 

  • Ensaio sobre a cegueira – José Saramago

Uma epidemia de cegueira invade uma cidade e os infectados são levados para locais de isolamento. A esposa do primeiro a contrair a cegueira, finge também estar infectada para poder acompanhar o marido. Esse livro é sensacional. E o que a única mulher que enxerga no local passa sem poder confessar que não está cega causa uma agonia tremenda.

 

  • #GIRLBOSS – Sophia Amoruso

Dona da Nasty Gal, Sophia Amoruso se tornou uma CEO bilionária, tendo começado com  50 dólares e nenhuma dívida. Numa espécie de autobiografia, a empresária dá uma aula de empoderamento e empreendedorismo, além de falar de moda e dar suas dicas para se tornar uma Girlboss. A divertida e inspiradora história de Sophia vai virar uma série produzida pela Netflix, com data de estreia para Abril de 2017.

 

  • Cartas de Amor aos Mortos – Ava Dellaira

Esse livro não só traz uma protagonista que precisa ser forte e evolui muito durante a trama, como também dialoga (literalmente) com diversas mulheres que foram importantes para a História mundial; Amelia Earhart, pioneira na aviação dos EUA e Judy Garland, uma das principais estrelas da era de ouro de Hollywood são dois exemplos. Depois de perder sua irmã, May troca de colégio, mas ainda não consegue lidar bem com a situação. A forma que ela encontra de conseguir se entender é escrevendo cartas para pessoas que ela admira, mas que já estão mortas. Confira minha resenha aqui.

 

  • A Guardiã de Histórias – Victoria Schwab

Tem resenha recente desse livro aqui no blog. A Guardiã de Histórias conta o drama de Mac Bishop, uma menina que tem a importante missão de cuidar dos espíritos que vivem em outra dimensão. O problema é que ela não pode contar seu ofício nem mesmo para os pais, o que faz com que a menina esteja numa eterna vida dupla e precise aprender cedo demais a lidar com suas próprias fraquezas. Mac perde o irmão e tem que conciliar a dor com os desafios que precisa enfrentar numa nova fase de seu segredo.

 

  • Harry Potter – J.K. Rowling

Não tinha como não colocar Hermione Granger nessa lista. A personagem, que foi espelhada na própria autora, será eternamente um exemplo de mulher empoderada, forte e batalhadora. Afinal, todo mundo sabe que, sem Hermione, Harry não teria sobrevivido nem ao primeiro livro.

 

E você? Tem exemplos de livros com personagens femininas fortes? Ou autoras incríveis? Deixa aqui nos comentários que eu amo conhecer livros diferentes.

Bruna Paiva

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de me seguir nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchatwp-1465389060779.png

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s