Crush

É engraçado como, na minha imaginação, nós dois funcionamos tão bem. Somos extremamente íntimos e compartilhamos momentos de intensa sintonia. E a graça é que eu mal te conheço. Nunca tivemos abertura para isso, mas, ainda assim, me apaixonei pelo que inventei de você, pelo que inventei de nós.

Está certo que a parca convivência que tivemos nos últimos tempos contribuiu para que minha cabeça meio louca fantasiasse os mais insanos diálogos em que descobríamos um interesse mútuo e subitamente éramos um casal. É, eu tenho uma imaginação fértil.

Entretanto, o mais irônico de tudo isso é que eu não tenho coragem de te contar como me sinto. Primeiro porque gosto demais da minha fantasia para correr o risco de você acabar com ela. Já passei por situações parecidas antes. Isso nunca termina bem pro meu lado, ainda assim eu insisto em repetir o erro. Depois, te ter por perto é algo que me faz bem. Gosto de poder conviver com você; te ter do jeito que posso. A possibilidade de perder isso, caso confesse meu interesse, me angustia.

Ainda assim, uma parte de mim quer acreditar que dessa vez é diferente. A coitada não vai aprender nunca. Então, todos os dias, ela acorda otimista, tendo a certeza de que vai ter coragem suficiente para passar por cima das minhas inseguranças e te chamar para conversar. É claro que eu nunca deixei que ela se manifestasse. Abafo toda a coragem dessa doida dentro do peito e me contento em assistir à nossa história juntos, nessa realidade paralela, toda noite com a cabeça no travesseiro.

 

Bruna Paiva

 

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de me seguir nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchatwp-1465389060779.png

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

Anúncios

Meus crushes da ficção: 5 personagens que eu queria para mim

Quem nunca teve um crush? Aquela pessoa por quem você tem uma quedinha, às vezes nem tão inha assim. Quando se fala de ficção então… Que atire a primeira pedra aquela que nunca teve um crush saído diretamente de um filme, livro, série, novela, etc. Pensando sobre isso,  resolvi contar para vocês quais são os meus crushes da ficção. Preparem-se para descobrir quais são os personagens por quem eu largaria tudo!

  • Christian Reed (Dance Academy)

Christianreed

O Christian é incrível. Sou louca por ele desde o início da primeira temporada de Dance Academy. O garoto é bonito, divertido, talentoso e um amigo daqueles que a gente pode contar sempre. Fora que ele faz tudo pela Tara, mesmo que eu não ache que ela mereça tanto assim. O Chris é incrível e eu sinceramente não me importaria se ele largasse a Tara e viesse ficar comigo.

 

  • Peeta Mellark (Jogos Vorazes)

Peeta_Mellark

O que dizer sobre Peeta Mellark? Gente, esse menino é simplesmente para casar. Sem mais. Ele é tãaao fofo com a Katniss, e ela mal retribui todo o amor que ele tem para dar… Peeta é o marido dos sonhos, gente. Bonito, carinhoso, corajoso, apaixonado (ok, pela Kaniss, maas…), talentoso, sabe cozinhar… Se Peeta Mellark aparecesse na minha vida e dissesse “vem” eu ia e não perguntava nem para onde.

 

  • Finnick Odair (Jogos Vorazes)

finnikodair

Sim, eu tenho dois crushes na mesma série, me julguem. Entretanto, que atire o primeiro tridente quem não se renderia aos encantos de Finnik Odair. Bonito, bom de papo, corajoso e ainda um fofo quando está apaixonado. Se apaixone por mim, querido.

 

  • Adam Wilde (Para onde ela foi)

Adamwild

Quando eu li Se Eu Ficar, nem dei muita atenção para esse personagem. O drama da protagonista roubava a cena e achei o livro melancólico demais. Assim que comecei a continuação, Para Onde Ela foi, em que o protagonista é Adam, me apaixonei. Adam Wilde é aquele garoto que posa de bad boy, mas que por dentro é um príncipe. Tem seu lado mimado, mas também tem o lado bom moço. Sinceramente acho que a Mia é chata demais para ele…

 

  • Príncipe Maxon (A Seleção)

principemaxon

Suspiros, suspiros e mais suspiros. Nem venham falar de Aspen perto de mim. Príncipe Maxon é e sempre será o meu preferido. Ele é incrível, tem um coração enorme, é carinhoso, fofo, bonito, corajoso, quer mudar o mundo para ajudar as pessoas… Além do fato de ser (literalmente) um príncipe. Apesar de achar lindo ele com a América, e amar esse casal, eu daria tudo para ter o Maxon para mim.

 

Siga @ADemaisblog  no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog no Instagram