Diário de uma entediada

137. Acabo de contar as 137 viradas do ventilador no chão de um lado para o outro, nos últimos minutos. Já lavei a louça. Três vezes. Fiz comida, fui malhar, voltei e tomei um banho. Cá estou terminando mais uma temporada de Friends. A penúltima. Fiz pipoca, bolo e mousse de maracujá. MEU DEUS, ainda são três e meia da tarde.

Não, eu não aguento mais essa casa. Não aguento mais esse ócio em que fui obrigada a entrar pelos últimos três meses.

Li tantas coisas que não tenho mais ânimo para continuar o livro que comecei ontem, os projetos estão em dia e literalmente não tenho mais nada para fazer. Já limpei meu quarto, arrumei minha estante, montei um caderno de planejamento da minha vida financeira, tirei todas as roupas do armário e separei o que eu não uso para doar, arrumei as gavetas e o armário de maquiagem e traduzi poemas de uma autora guatemalteca.

Assisti a toda sorte de filme clichê adolescente, de Lindsay Lohan a Larissa Manoela, tirei todas as roupas do armário de novo e montei looks que não vou usar tão cedo, desenterrei um livro de matemática para tentar resolver funções que só me estressaram porque não lembro mais como lidar com elas. Fiz todo tipo de receita caseira para esfoliação da pele e hidratação do cabelo. Montei dezenas de playlists parecidas, reassisti aos dvds ao vivo de Restart e RBD e varri até o quarto do meu irmão. Firmei compromisso com a Netflix, mas, por mais que eu ame, EU NÃO AGUENTO MAIS ASSISTIR FRIENDS.

O tédio tomou conta de mim de uma maneira tão intensa que ontem me vi obrigada a baixar o tinder para tentar ter conversas empolgantes. Tudo que consegui foi lembrar por que havia excluído o aplicativo da última vez. Meus dias têm terminado em conversas com amigos que se sentem da mesma forma e assistindo ao Big Brother com um grande interesse nas festas e intrigas dos outros.

Caras férias, com todo o respeito, eu não aguento mais vocês. Como medida preventiva contra meu enlouquecimento, eu suplico: me devolvam a minha rotina corrida.

Bruna Paiva

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de me seguir nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Anúncios

Séries incríveis para maratonar nas férias!

Existe época melhor para passar o dia inteiro na Netflix do que nas férias? É o momento em que temos tempo para fazer qualquer coisa. Inclusive botar as séries em dia e se jogar nas séries novas. Hoje eu trouxe para vocês séries incríveis e que são ótimas para sentar no sofá e fazer uma boa maratona. É só conferir a lista a seguir e escolher sua preferida.

 

Devious Maids

Cinco empregadas domésticas latinas trabalhando para os ricaços de Bervelly Hills. Quando uma delas morre e ninguém consegue desvendar o crime, uma nova empregada chega e acaba se entrosando no grupo. O que ninguém sabe é que o objetivo dela é investigar a estranha morte ocorrida no condomínio para salvar seu filho, condenado injustamente. É uma série muito divertida e mega rápida de assistir. São quatro temporadas (a quinta infelizmente foi cancelada). As personagens são cativantes e a história é muito boa. E, claro, o clima de verão tem tudo a ver com as férias!

 

The Fosters

Uma família enorme. Duas mães, um filho biológico, quatro adotados e muito amor. A história começa quando Lena decide levar para casa Callie, uma menina que acabou de sair do reformatório e ainda está no sistema de adoção do Estado. É algo temporário já que Lena e Stef já têm 3 filhos em casa. Mas Callie foge para salvar o irmão mais novo Jude de um lar adotivo onde ele é agredido. As duas mães adotivas acolhem Jude também e os dois acabam entrando na rotina da casa. É uma história incrível que fala sobre amor e família. Também tem 4 temporadas e é super gostosinho de assistir, a gente nem sente o tempo passar.

 

Dance Academy

Tara Webster tem o sonho de ser bailarina. A série começa quando a menina do interior finalmente consegue passar para a melhor escola de dança do país. Lá, ela faz amigos e percebe que fazer seu sonho virar realidade é bem mais difícil do que parece. A menina ultrapassa diversos obstáculos para conseguir se manter na Academia e dançar. A série tem três temporadas e é maravilhosa. Não se engane achando que é uma história bobinha no estilo água com açúcar. Dance Academy mexe com assuntos profundos e eu garanto que vai te emocionar.

 

Gossip Girl

Gossip Girl é clássica. Mas eu nunca tinha assistido antes de 2016. E que série incrível! A rotina de jovens milionários do Upper East Side em Nova York com muita confusão causada pelas fofocas do blog Gossip Girl. Pode parecer fútil, mas a série é maravilhosa. Se você já assistiu, sabe que vale a pena maratonar nessas férias. Se nunca assistiu, te desafio a terminar as 6 temporadas sem querer seu próprio Chuck Bass.

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de me seguir nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchatwp-1465389060779.png

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

 

Viaje o mundo com Martha Medeiros em Um Lugar Na Janela

Um Lugar Na Janela Autor: Martha Medeiros  Editora: L&PM Pocket

Um Lugar Na Janela
Autor: Martha Medeiros
Editora: L&PM Pocket

Vocês já sabem que viajar é uma das minhas maiores paixões. E sobre meu vício por leitura eu não preciso nem comentar, né? Agora imaginem juntar esses meus dois amores em um só lugar. Bom, foi isso que a Martha Medeiros conseguiu com o livro “Um Lugar Na Janela: relatos de viagem”. O mais legal é que tudo começou com a ideia da autora de publicar relatos de suas viagens em um blog.

Em “Um Lugar Na Janela”, publicado pela L&PM, a cronista conta várias de suas viagens dentro e fora do Brasil. A coragem de colocar uma mochila nas costas e simplesmente ir explorar o mundo é algo que eu queria muito ter pra mim. E as histórias da Martha inspiram a qualquer um.

Lendo a obra, eu conseguia me imaginar perfeitamente em cada um dos cantinhos do mundo por onde Martha passou. Com histórias divertidas e uma maneira gostosa de narrar suas aventuras, a autora conseguiu aumentar significativamente minha lista de viagens dos sonhos

A forma como a autora escreve faz com que o leitor esteja junto com ela, seja em Istambul ou em Fernando de Noronha. É possível sentir o calor do deserto do Saara e até mesmo o clima sofisticado de Paris. Não tem como não se apaixonar pelas viagens e pequenas loucuras dela.

Ir até o Japão logo depois de uma das maiores tragédias do país só pra não ter que desmarcar a viagem foi sensacional. Amei a parte em que ela fala do Marrocos e nunca achei Punta Del Este tão interessante.

Descobri o livro por acaso em uma livraria, achei a sinopse legal e abri pra ler. Ali mesmo, dentro de um shopping center li os dois primeiros capítulos sem conseguir parar.

Amo ler as crônicas de Martha Medeiros, conheço várias. Mas nunca tinha lido nenhum livro seu. “Um Lugar Na Janela” só me fez ter mais certeza de que ela é uma das melhores escritoras contemporâneas do país. E, claro, de que tem muito nesse mundo que eu ainda quero conhecer!

Bruna Paiva

Siga @ADemaisblog  no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Amei minhas férias em Salvador!

P1180319

Eu com uma baiana na frente da igreja de São Francisco.

Gente, eu acabei de chegar de uma viagem de 10 dias pela Bahia e Porto de Galinhas. Abaixo compartilho com vocês um pouco da primeira parte das minhas férias.

Quando eu e minha família resolvemos passar um tempo em Salvador muitas pessoas nos disseram que lá era tudo muito sujo e violento. Fiquei muito feliz em descobrir que isso não era verdade. A cidade é super limpa e eu não presenciei nenhuma cena violenta ou que me colocasse em perigo… E uma das coisas que mais me chamou a atenção nos baianos foi a simpatia. Em todos os lugares que visitamos fomos recebidos com sorrisos e muita simpatia.

No Pelourinho

Com o largo do Pelourinho ao fundo

Fizemos passeios por toda a cidade e um dos que mais gostei foi o do Pelourinho. A parte mais histórica de Salvador tem todo um charme particular. As casinhas e igrejas dos séculos XVII e XVIII são bem conservadas e super bonitinhas. E como aquele lugar é grande viu? Subimos e descemos as ladeiras parando nas lojinhas mais fofas e tirando fotos nos lugares mais legais.

P1180354

A casa onde Michael Jackson sobe no clipe!

Lembra do clipe do Michael Jackson, They don’t care about us? Então, foi gravado lá com participação do Olodum e eu fiz questão de visitar a mesma casa em que o Rei do Pop aparece no clipe! A casa fica em frente ao largo do Pelourinho, onde os escravos eram amarrados em um tronco e castigados em público como forma de exemplo. Dica pra quem passar por ali: tem um suco de limão com coco que é do deuses…

Visitei também a Fundação Casa de Jorge Amado. Um dos maiores escritores brasileiros, dono de sucessos como Gabriela, Tieta e Capitães de Areia. Lá era possível ver artigos pessoais do autor e comprar seus livros. E eu, é claro, levei um pra mim. Há também fotos feitas por sua esposa Zélia Gattai que, além de escritora, registrava todos os momentos de sua carreira.

P1180368

Com uma tartaruga no Projeto Tamar

Logo depois do pelourinho, veio minha maior decepção, o Elevador Lacerda.  Ele liga a Cidade Alta e a Cidade Baixa. E a gente foi do Pelourinho, que fica na alta, para o Mercado Modelo, que fica na parte baixa. Eu saí do Rio achando que era um elevador panorâmico. E pra minha surpresa é um elevador tão sem graça quanto todos os outros em que já andei na vida. Não curti 😦

Já no Mercado Modelo, que fica de frente para a Baía de Todos os Santos, eu encontrei várias coisinhas legais entre camisas, prendedores de cabelo, bolsas, cordões… Voltei para o hotel com muita dor na perna de tanto andar e carregada de lembranças fofinhas!

P1180601

Amarrando a fitinha do Senhor do Bonfim

Durante a Viagem, também visitei a Vila do Forte, uma vila de pescadores bem bonitinha que fica no litoral Norte no município de Mata de São João. Lá conhecemos a sede do Projeto Tamar. É aquele que protege as tartarugas marinhas. Aliás, tinham várias delas lá… Também dei uma passada por Imbassaí, uma praia onde o rio se encontrava com o mar. A paisagem era linda…

Nos últimos dias de viagem conheci o Farol da Barra e a famosa igreja do Senhor do Bonfim. A igreja das fitinhas coloridas que se espalham por toda a Bahia. A fachada do local é coberta por elas, que são amarradas pelos visitantes. Dizem que todos têm de fazer um pedido ao amarrar a fitinha nas grades da igreja. Eu amarrei uma fitinha rosa e, é claro, não esqueci do meu pedido…

WP_20140126_002

Um dos cartões postais de Salvador, o Farol da Barra.

A Bahia é linda gente, e eu recomendo a todos! Amei conhecer Salvador…

Bruna Paiva