5 livros que falam sobre música

Que eu amo literatura acho que já ficou provado por aqui. Mas outra paixão minha é a música. Apesar de não ter o menor talento para tocar nenhum instrumento, muito menos cantar, eu sou daquelas que não vive sem um fone de ouvido com uma playlist incrível. Acho que por isso eu gosto tanto de encontrar livros que, em suas histórias, tragam bastante música. É como unir as duas paixões numa coisa só. Por isso, hoje trouxe para vocês uma pequena lista de 5 livros que falam de música!

 

  • Sábado à noite – Babi Dewet

Vou começar com um nacional que eu adoro. Sábado à noite é o primeiro livro da linda da Babi Dewet e também o primeiro da trilogia. Tem resenha dele aqui no blog! O livro, que começou como uma fanfic do McFly, conta a história de um grupo de amigos e um amor de escola. No meio de toda a confusão adolescente, o diretor da escola resolve promover bailes todos os sábados com a presença de uma banda de garotos mascarados!

 

  • Se eu ficar e Para onde ela foi – Gayle Forman

Essa duologia da Gayle Forman é repleta de drama e muita música. No primeiro livro, Mia, uma adolescente que sonha em se transformar em uma violinista de sucesso entra em coma após o acidente que a faz perder toda a família. A luta dela pela vida é extremamente tocante, mas meu preferido é o segundo livro. Nele, o protagonista é Adam Wilde, o ex-namorado de Mia que, anos depois do acidente, é um roqueiro famoso pelas músicas que escreveu para a garota. O conflito interno dele e a busca pela ex-namorada torna o livro muito bonito.

 

  • Revival – Stephen King

O tema central desse livro é a eletricidade e a fé extrema. É um livro que toca em questões éticas e tem aquele jeitinho incrível do Stephen King de escrever. Mas ele está nessa lista porque o protagonista, que começa o livro com 6 anos, cresce e se torna um guitarrista profissional e depois vai trabalhar numa gravadora. É muito legal observar a evolução dele como músico e pessoa. A trajetória dele na música é bem intensa e dá para curtir cada fase na leitura.

 

  • Boston Boys- Giulia Paim

O primeiro livro da carioca Giulia Paim também já ganhou resenha aqui no blog.  Ronnie é uma adolescente que, ao contrário da maioria de suas colegas, não dá a mínima para os Boston Boys. A menina, que nunca simpatizou com os protagonistas do programa de TV, de repente se vê obrigada a conviver com eles por conta do trabalho da mãe! Tem resenha do primeiro livro aqui no blog! O segundo eu comprei na Bienal e estou doida para ler.

 

 

  • 360 dias de sucesso – Thalita Rebouças

Esse livro da Thalita é o que eu mais gosto. Conta a história de uma banda de adolescentes que teve exatos 360 dias de sucesso. A fama chega de uma forma inesperada, mas as consequências dela são tão loucas que a banda Pólvora nem consegue completar um ano de existência.

 

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de me seguir nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchatwp-1465389060779.png

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

Anúncios

Uma playlist bem GIRL POWER para você se sentir maravilhosa

 

Imagem: Pixabay

Outro dia eu, em plena TPM, estava me sentindo meio mal e resolvi apelar para um dos melhores remédios do universo: música. Mas eu não queria ouvir qualquer coisa, precisava de algo que me jogasse pra cima sem diminuir ninguém. A maior parte das listas que eu achei tinham músicas ótimas, mas muitas, apesar de serem cantadas por mulheres sensacionais, falavam sobre homens; e não era aquilo que eu queria no momento.

Como não encontrei bem o que estava procurando, resolvi montar eu mesma uma playlist que me agradasse. Acabei fazendo uma lista de músicas empoderadoras cantadas por mulheres; de preferência falando sobre como nós somos incríveis, e não sobre homens que nós não queremos mais.

Eu amei o resultado e tenho escutado tanto essa playlist que resolvi compartilhar com vocês. A Playlist é pública no Spotify, e eu também criei uma lista de reprodução no Youtube para vocês terem as duas opções. Espero que gostem e se sintam incríveis escutando!

Clique aqui para entrar na Playlist pelo Spotify!

Youtube:

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de me seguir nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchatwp-1465389060779.png

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

Você deixou saudades…

wp-1470751925522.jpg

Com nove anos comecei a ouvir Charlie Brown Jr. Eu sempre curti muito a banda e as letras das músicas. Meu pai também gostava e meu irmão mais novo não cresceu diferente. Minha adolescência teve incontáveis momentos dramáticos em que eu me fechava no quarto e botava Charlie Brown no último volume para gritar junto com o Chorão.

Cantar com o Chorão sempre me acalmou. Ele transmitia uma energia tão boa que me ajudava a jogar todas as angústias para o alto e terminar de cantar com o astral bem melhor. Até hoje tenho a sensação de que ele cantava sorrindo. Ele brincava com as letras, se divertia com a música e passava tudo isso na voz. E eu sempre quis sentir essa energia de perto. Devia ser incrível cantar junto com uma multidão enquanto ele comandava tudo de cima do palco.

Em janeiro de 2013, um dia antes do meu aniversário (na verdade na madrugada do dia em que eu fazia 15 anos), houve um show do Charlie Brown Jr. no Rio de Janeiro. Eu queria MUITO ter ido àquele show. Virar meu aniversário sentindo aquela energia, a vibe que só o Chorão conseguia transmitir. Mas, na semana seguinte, era a minha festa de quinze anos. Eu não tinha mais dinheiro para gastar com nada. Ainda assim, meu pai prometeu: “no próximo a gente vai”. E eu me agarrei àquilo, já ansiosa pelo próximo show.

Pouco mais de um mês depois veio a notícia. Num dia em que ninguém esperava, mas do jeito que todo mundo previa. Um dos caras mais talentosos da música brasileira. O cara que cantava sorrindo e me fazia sorrir e chorar com músicas e letras incríveis morreu. Quando me contaram eu não acreditei, e quando vi que era verdade não quis acreditar.

 Demorou para a ficha cair, e eu desmontei quando lembrei que tinha deixado aquele show para a próxima. A energia boa, ele deixou como legado em cada música. Mas o meu sonho de sentir ela de perto é um dos poucos que eu nunca vou poder realizar. Eu deixei para depois, porque não dava naquela vez, e o próximo nunca chegou.

Desde a morte do Chorão, eu tenho fases diferentes para lidar com a falta dele. Há dias em que sinto raiva.  Por que é que um cara desses se mata daquele jeito? Dias em que levo na boa e lamento a tragédia de leve. Só curto a música sentindo aquela energia viva que ele deixou. E tem os dias como hoje.

Hoje eu acordei e coloquei o aplicativo de músicas no aleatório enquanto tomava banho. Ele tocou “Só os loucos sabem” e na hora do “você deixou saudades” eu não sabia o que era banho e o que era lágrima. Tirei do aleatório e o resto do dia foi todinho Charlie Brow. E mesmo com a energia que eu tanto curto, terminei o dia triste. Me lamentei por não ter ido àquele show. Repeti diversas vezes que “não era pra esse cara ter morrido tão cedo”. E aqui estou eu escrevendo sobre ele, sem nenhuma data ou motivo especial.

Pode até ser que dias assim sejam, na verdade, causados pela TPM que me deixa sensível demais… Mas o Chorão ainda me faz uma falta absurda. E, por mais que eu saiba que não tinha mesmo como ir àquele show, sei que nunca vou me perdoar por ter deixado “para a próxima”. Desde esse episódio, tento assistir aos artistas que admiro e fazer as coisas que tenho vontade assim que surge primeira oportunidade. A gente nunca sabe quando vai ser a última vez.

Bruna Paiva

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de seguir o blog nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchatwp-1465389060779.png

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

 

“A vida só é boa quando a gente faz as coisas com o coração…”

underground-1081975_1920

“Boa tarde, gente. Eu vou tocar uma musiquinha. Se alguém se sentir incomodado é só falar que eu paro.”  O garoto que entrou no metrô devia ter uns 22 anos. Tímido e magrelo, trazia um sorriso no rosto e nas mãos um Ukulelê. Apoiou as costas na porta fechada do vagão e começou os primeiros acordes no pequeno instrumento.

Já no fim de uma semana cansativa, eu estava esgotada, com dor de cabeça, estressada, de saco cheio daquele dia, torcendo para que a sexta-feira acabasse logo. Quando começou a cantar, o som daquela voz me fez olhar novamente para seu dono. Ironicamente, aquele garoto franzino tinha uma voz maior que três dele. A batida gostosa e tranquila da música que ele tocava, junto com aquela voz tão incrível, me fez fechar os olhos e encostar a cabeça.

A letra que ele cantava, falava sobre acreditar em seus sonhos e não se deixar abalar pelas coisas pequenas. O refrão da música que eu não consegui encontrar em lugar nenhum vai e volta, martelando em minha cabeça, mesmo depois de alguns dias. “Filho, não se estresse/A vida só é boa quando a gente faz as coisas com o coração”.

Escutei a música inteira com os olhos fechados, porém cheios de lágrimas. Quando ele terminou, contou que era do interior do Ceará. Que chegara ao Rio de Janeiro havia pouco tempo com um único objetivo: seguir e viver de seu sonho que é cantar.  Percebi que não havia sido a única a ser tocada pela música. Dentro do vagão, várias pessoas, que antes estavam com cara de paisagem, sorriam olhando para o garoto.

Juntei todas as moedas que havia recebido de troco naquele dia, e jogado negligentemente no bolso da mochila, sem paciência para colocar no devido lugar. Dei na mão dele com um sorriso no rosto. Ele sorriu de volta e agradeceu.

O garoto desembarcou na estação seguinte. Ainda sentada, assisti a ele sumindo na multidão antes de o trem sair da estação. Não consigo me lembrar seu nome. Mas aquele garoto mudou o meu dia. Talvez por minha sensibilidade aos mais diversos tipos de artistas de rua. Talvez por ter me mostrado o quão idiota estava sendo por reclamar de uma semana rotineira ao invés de fazer mais as coisas com o coração. Saí daquele vagão me sentindo mais leve. O estresse, cansaço, aquela dor de cabeça de que eu reclamava, tudo acabou virando um sorriso.

Aquele garoto entrou no metrô no meio da tarde dizendo que tocaria uma musiquinha. Pediu para que, se alguém se sentisse incomodado, dissesse. Provavelmente um discurso repetido o dia inteiro. Quem sabe o que ele já não escutou por aí? Provavelmente, para ele, aquele era só mais um vagão. Eu, só mais uma garota no meio de mais um grupo de pessoas. Mais meia dúzia de moedas que nem ajudam tanto assim.

Mas para mim, naquela tarde, ele definitivamente não foi só mais um cara no metrô. Ainda hoje, semanas depois, a cada vez que me percebo reclamando, estressada por motivos bobos, fecho os olhos e faço aquele refrão voltar em minha cabeça. Respiro fundo e me obrigo a sorrir.

Bruna Paiva

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de seguir o blog nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchat

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

10 filmes que falam sobre música

Quem acompanha o blog conhece muitas das minhas paixões. Já comentei aqui o quanto eu amo e não consigo viver sem música. Volta e meia falo sobre cinema aqui também. Quando essas duas coisas que eu amo de paixão se juntam já dá para imaginar como isso mexe comigo… Hoje eu trouxe para vocês uma lista com 10 filmes que têm a música como enredo.

Dez histórias que só acontecem por causa da música. Cada um desses filmes me toca de um jeito ou de outro. Vale muito a pena dar uma chance para eles. Ah, e se você conhecer algum filme que eu não citei aqui me indique! Amo esse tema.

1-      Na Trilha da Fama (Rayse Your Voice) – 2004

Em Na Trilha da Fama, Terry, personagem de Hilary Duff, sofre um grande trauma com a perda do irmão a quem era muito ligada. Ainda em choque, e contra a vontade de seu pai, ela decide concretizar seu sonho, tão incentivado pelo irmão: ingressar como bolsista numa renomada escola de música.

Esse drama fala sobre amor, amizade, família e paixão pelo que se faz. É lindo e de chorar do início ao fim. 

 

2-      A Escolha Perfeita (Pitch Perfect) – 2012

A Escolha Perfeita se passa numa faculdade americana. Algumas das fraternidades dessa universidade competem em concursos de canto a capela. A história fala sobre preconceito, amizade e necessidade de mudança. Além de todo mundo cantar bem pra caramba, o filme é muito engraçado. Em 2015 saiu a continuação, A Escolha Perfeita 2, que eu ainda não assisti, mas também estou louca para conferir.

 

3-      Nos Bastidores da fama (Beyond The Lights) – 2014

Nesse drama, uma cantora pop mega famosa tenta se matar e é salva por um policial. Depois desse episódio, ela começa a repensar toda a sua vida e as circunstâncias de seu sucesso. É um filme lindo que emociona e faz a gente refletir sobre os preços da fama.

 

4-      Camp Rock – 2008

Tenho certeza que esse marcou a infância/adolescência de quase todo mundo da minha geração. Em Camp Rock, Mitchie é uma menina que sonha em ser cantora. A menina quer participar do Camp Rock, um acampamento para jovens que também são músicos. Onde também encontraria os meninos da boy band Connect 3. Como a família não tem condições de pagar, sua mãe arranja um emprego no acampamento e Mitchie pode participar. Eu AMO Camp Rock e juro que não é só pelo elenco maravilhoso (Jonas Brothers e Demi Lovato).

 

5-      Mesmo se nada der certo (Begin Again) – 2014

Nesse drama que tem toques de comédia, uma cantora que acabou de se mudar para Nova York leva um fora do namorado que faz sucesso no mundo da música. Desolada, a garota se muda para a casa de um amigo também cantor e, cantando em um bar, acaba sendo descoberta por um produtor musical. O filme é lindo, tem músicas incríveis e é uma delícia de assistir.

 

6-      Música, Amigos e Festa (We Are Your Friends) – 2015

Nesse filme estrelado por Zac Efron, o foco é a música eletrônica. Cole é um aspirante a DJ que concilia seu sonho com a relação com os amigos de infância. Tudo muda na vida dele quando conhece um DJ mega famoso, e mega problemático, que resolve ensinar tudo o que sabe ao garoto.

 

7-      Lizzie McGuire- um sonho popstar (The Lizzie McGuire Movie) – 2003

Quem nunca assistiu a esse filme na Sessão da Tarde? Eu AMO esse filme e a música do final é maravilhosa. Depois de sua formatura, Lizzie viaja com os colegas para Roma. Lá, a menina acaba descobrindo que é idêntica a Isabella, uma cantora italiana famosa. Quando conhece o parceiro dessa cantora, encantada, Lizzie aceita fingir ser Isabella.

 

8-      Escola de Rock (School of Rock) – 2003

Nessa comédia, um músico é demitido de sua banda e acaba se disfarçando de professor substituto numa escola primária. Quando enxerga talento musical em seus alunos, resolve formar uma banda com os alunos da quinta série! É muito engraçado além de ser super bonitinho…

 

9-      High School Musical – 2006

Quem da minha geração não ama High School Musical? Quem nunca quis ser um Wildcat? Troy e Gabriela se conhecem numa noite de ano novo quando acabam tendo que cantar juntos no karaokê. Os dois se reencontram, coincidentemente no primeiro dia de aula.  Essa história é linda e cheia de música!

 

10-   Rags, o poder da música (Rags) -2014

Esse filme com duplo ponto de vista traz a história de uma cantora famosa e mimada pelo pai, que é dono de uma gravadora, e a de um garoto que mora com o padrasto e os meios-irmãos. Ela tem tudo o que ela sempre quis, ele sonha em ser cantor, mas não tem incentivo nenhum. Quando as vidas dos dois se cruzam, as coisas começam a mudar.

 

Bruna Paiva

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de seguir o blog nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchat

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

Quem nunca fez loucuras por um ídolo? VIDEO NOVO NO AR!

Fã admira, se dedica, faz esforço, sente de verdade e não quer nada em troca. Fã faz loucuras pelo ídolo e a única recompensa com que sonha é um dia poder falar pessoalmente o quanto o admira. Eu, pelo menos, sempre fui assim com minha trilogia Jonas Brothers, Fiuk e Restart.

O video desta semana é inspirado no texto “Amor de Fã“, que eu escrevi em agosto de 2014, logo depois de realizar o sonho de encontrar e trocar umas palavras com o Joe Jonas, meu ídolo internacional! A aventura inclui quatro horas plantada na porta de um hotel, me escondendo dos meus pais que não paravam de ligar. Mas no fim deu tudo certo e guardo o momento com muito carinho. Aproveito para bater um papo sobre essa loucura que é ser fã.

Quero agradecer aos que já estão acompanhando o ADOLESCENTE DEMAIS no canal do YouTube (onde os vídeos são postados semanalmente) e na minha página do Wattpad (onde além dos vídeos tb são postados os textos que me servem de inspiração).

Beijos da Bru!

CLIQUE AQUI PARA VISITAR O ADOLESCENTE DEMAIS NO YOUTUBE

 

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de seguir o blog nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchat

Músicas que eu amo, mas nunca lembro o nome!

wp-1458823409800.jpg

Quem nunca se apaixonou por uma música ao ouvi-la tocando na rádio, ou num filme, sem nem mesmo saber qual é? Quem nunca passou semanas com uma música na cabeça sem saber o nome, a letra ou autor da canção? Eu sempre. Acontece demais comigo. Eu amo a música, mas não sei o nome e então passo anos sem ouvir de novo.

É claro que, hoje, aplicativos como o Shazam diminuem a frequência dessa situação. Mas eu continuo passando bastante por isso. Resolvi então separar algumas das músicas que eu amo, mas nunca sei o nome, e fazer uma playlist para vocês. Obviamente, demorei algumas semanas para montar a listinha, já que eu não sabia o nome ou autor das músicas.

Para encontrar as músicas, fiz uma verdadeira peregrinação pelo Youtube. Procurei por músicas com o estilo parecido àquela que eu queria encontrar. Entrei nas playlists e músicas sugeridas e fui ouvindo até chegar nas que eu gostava, mas não sabia o nome. Encontrei quase todas e a playlist ficou incrível!

Descobri que ignorava artistas com milhões de acessos e bandas consagradas, que eu conhecia só de nome, como Linkin Park, 3 Doors Down e Lifehouse. Além, é claro de ter descoberto que algumas das músicas eram de bandas e cantores que eu já amo, como Maroon 5, Nickelback e Colbie Caillat, só não sabia que eram eles que as cantavam ahaha.

É só dar o play e se jogar!

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de seguir o blog nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchat

4 professores que todo mundo gostaria de ter

Quantos professores já passaram por sua vida? Muitos já passaram pela minha. Uns que eu não pretendo mais ver nem pintados de ouro. Outros que eu trago no peito com um enorme carinho e saudade. Mas nem todo mundo tem a sorte de ter aquele professor que ensina a matéria falando a língua dos alunos. Tem professores que conseguem passar o conteúdo de uma maneira diferente e eu duvido que você não gostaria de ter um desses.

Hoje, eu trouxe uma lista de 4 professores que todo mundo gostaria de ter tido. É só conferir abaixo:

 

1-      Professora Kelly Mendonça de História

Já imaginou ter uma professora digna de entrar para o The Voice? A professora Kelly canta muuuuito bem. E parece ser super querida pelos alunos. Há vários vídeos dela dando um show particular para os alunos em sala de aula, depois de passar a matéria. Seu repertório inclui clássicos de Rihanna , Adele entre outros.

 

2-      Professor Silvio Predis de Química

O professor Silvio ensina Química de um jeito diferente, divertido e engraçado. Tenho certeza que a matéria fica muito mais interessante ao som do batidão ahhaa

 

3-      Professor André Diniz de História

O professor André faz paródias de músicas para os alunos lembrarem de fatos, datas e nomes importantes para a História!

 

4-      Professor Pachecão de Física

O Pachecão fala a língua dos jovens. Em vez de usar termos complicados que deixam os alunos cheios de dúvidas, ele ensina as fórmulas de uma maneira que ninguém nunca mais esquece…

 

Gostou do post? Então, comente, compartilhe e não se esqueça de seguir o blog nas redes sociais!

Siga @ADemaisblog e @BrunaPaivaC no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog e @BrunaPaivaC no Instagram

Acompanhe BrunaPaivaC no Snapchat

O dia em que cantei com Leoni no Imperator!

10656393_1059145194107736_1334340261_n

Há duas semanas, voltando de uma das últimas provas do ano na escola de dança, passei no Imperator com uma amiga, simplesmente porque estávamos com calor e queríamos um ar condicionado. Chegando lá, dei uma olhada na programação por pura força do hábito. Tive uma surpresa agradável. Anunciavam um show do Leoni para o dia 19 de dezembro.

Meus pais me criaram ouvindo as músicas de seus ídolos. Cresci aprendendo a gostar de Legião, Capital, Paralamas, Kid Abelha… O Leoni é um dos artistas com quem eu mais me identifico. Acho que as letras dele sempre dizem algo mais do que está sendo cantado. São músicas que te tocam e remetem a alguma fase da sua vida.

Assim que soube do show, falei com meus pais e compramos os ingressos. Era o dia seguinte da minha formatura, estaríamos virados e o sábado seria cheio. Mas quem dispensa um show do Leoni?

12399232_1059145164107739_1837759433_nOntem, chegamos ao teatro dez minutos antes do show que começou com apenas 5 minutos de tolerância. Leoni cantou muitas músicas do disco novo Notícias de Mim, que foi financiado pelos fãs num sistema de crowdfunding. Mas os sucessos antigos foram os que mais levantaram e emocionaram o público. Eu mesma me peguei com os olhos molhados em diversos momentos, como na música Por Que Não Eu.

Leoni tocou também Quase Sem Querer, de Renato Russo. E parcerias como Fórmula do Amor, sucesso dele com o Léo Jaime e Exagerado, composição dele com Cazuza. Além de um mashup incrível de Uptown Funk do Bruno Mars, com Lágrimas e Chuva.10638119_1059135777442011_446191235_n

Com Leoni tocaram o baixista Andrea Spada, o guitarrista Gustavo Corsi e o baterista Lourenço Monteiro. Além da banda Furacão de Bolso, Leoni contou com a participação de seu filho Antonio Leoni, que mostrou que realmente é filho de peixe. O garoto, que deve ter no máximo uns 18 anos, tem uma voz parecida com a do pai e no fim do show assumiu a guitarra base enquanto o pai ficava só nos vocais. Foi bonito ver Leoni nitidamente orgulhoso do filho no palco.

702945_1059135847442004_767029496_n

A família toda com Leoni no final do show

Nunca tinha ido a um show dele, e a experiência foi incrível. Esqueci completamente que não dormia há quase 24 horas e me diverti demais. Achei incrível o carinho e aproximação que ele faz questão de ter com o público. Em Garotos II, uma das músicas que mais gosto, Leoni desceu do palco e tocou no meio da arquibancada. Em seguida, elogiou o público:  “Vocês são comportados. Normalmente, quando eu desço, as pessoas tentam me agarrar enquanto estou tocando. Vou descer outras vezes”.

No fim do show, Leoni chamou a plateia, até então sentada, para se aproximar do palco. Em Exagerado, desceu mais uma vez cantando no meio da bagunça. Nessa hora, eu, é claro não pude perder a oportunidade de fazer uma selfie. Fiz a maluca e corri até ele cantando Exagerado. Cantei agarrada com ele, mas acabei me atrapalhando. Gravei um vídeo, que ficou horrível e vertical, mas vou deixar aqui pra vocês porque faz parte. ahahaha Hoje, quando acordei, tive a surpresa de encontrar esse momento registrado numa foto no Blog do Jama.

A primeira parte do vídeo é um trechinho de Fórmula do Amor, onde dá pra ver o filho dele tocando de vermelho no palco. A segunda parte é o trecho de Exagerado onde encarnei o personagem da música e fiz a surtada. Mas ninguém pode dizer que não cantei com Leoni…

 

Após o show, Leoni ficou algumas horas atendendo o público que fez uma fila enorme para tirar uma foto ou pedir um autógrafo. Eu queria ter comprado o CD, mas o estoque acabou bem na minha vez, então fiquei só com a foto mesmo. Leoni foi mega simpático conosco. Voltamos para casa cansados, mas com a sensação de que não havia maneira melhor de encerrar o dia.

Bruna Paiva

Siga @ADemaisblog  no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog no Instagram

Favoritos dos últimos meses!

Tá bom, eu sei que prometi que faria a seleção dos meus favoritos todo mês. Também sei que prometi isso em julho e nunca mais fiz. Mas esse post é para me redimir e dizer que eu vou tentar (eu disse tentar) fazer todo mês a partir de agora!

Como vocês perceberam, eu não postei os favoritos de agosto, nem de setembro, nem de outubro ou novembro. Pra falar a verdade, esse post estava pronto para ser postado no fim de novembro, mas eu esqueci. Ok, podem me matar. Por isso, eu resolvi fazer um compilado de tudo o que eu descobri, li ou assisti e gostei muito nos últimos meses! Aí vai:

  • Diário de Viagem da Gabbie Fadel

 

Vocês sabem que eu adoro a Gabbie, principalmente quando ela viaja. Em setembro/outubro ela postou o diário da viagem dela com o Faru (seu namorado) em Orlando e Nova York. Os vídeos estão incríveis, ela dá várias dicas para quem planeja passar pelos mesmos destinos. Eu achei mega divertido acompanhar o que os dois fizeram por lá.

 

  • Damon&Jo

 

Descobri por esses meses um canal que eu amei. O Damon e a Jo moram nos EUA. Ele é de lá, mas ela é brasileira. Eles são amigos e a Jo tenta ensinar o Damon a falar português. Apesar de ela também estar com o idioma meio enferrujado, já que se mudou do Brasil para lá aos 5 anos. Os vídeos são mesclados, em português e em inglês. O Damon é muito fofo e a Jo, muito engraçada.

 

  • Survivor – Clarice Falcão

 

Depois de dois anos sem músicas novas, Clarice Falcão voltou com tudo. O clipe da musica Survivor é simplesmente sensacional. A letra que fala de superação é combinada ao protesto feminista de várias mulheres ao longo do vídeo. É simples, mas impactante. A Clarice arrasa e disso todo mundo já sabia. Estou mega ansiosa pelo que vem por aí na carreira dela. Quero mais músicas nessa linha e espero muuuito por um disco novo!

 

  • Dance Academy

 

Ok, isso não é lá muito novo. A série acabou em 2013. A questão é que eu comecei a assistir no Netflix no feriado de 2 de novembro. Em 20 dias vi as três temporadas. O seriado conta a vida de Tara Webster e outros alunos na National Academy of Dance. A história se passa em Sidney, Austrália. Quem me segue no Twitter viu como eu falei da série nos últimos meses e como eu me apaixonei por cada personagem (principalmente por Christian Reed!). É super envolvente e não dá vontade de parar de assistir. O único fator ruim é que ela é curtinha. São três temporadas e cada episódio tem, em média, 25 minutos.  Ainda estou com uma certa ressaca pelo fim.

 

  • Paródia Kéfera Bang

 

Essa é mais recente, e eu acho que todo mundo já viu. Mas eu precisei botar aqui porque a paródia que a Kéfera fez da música Bang da Anitta ficou muito boa. O clipe é tão super produzido quanto o da cantora. Na realidade, é quase igual ao da Anitta, que participou e apoiou a produção da paródia. O trabalho ficou muito bom e mega engraçado como não podia deixar de ser. Afinal, é a Kéfera, né gente…

 

  • Lucas Lira

 

É, eu sei que o Lira já está no Youtube há um tempão. Eu já o conhecia de algumas aparições no canal do Christian, Gusta, Castanhari, etc. Mas só parei para assistir aos vídeos dele nos últimos tempos e adorei. Achei ele engraçado, fofo e me diverti tanto com o conteúdo novo quanto com o antigo. Por isso, sim, Lucas Lira é um dos meus favoritos dos últimos meses.

 

  • Dias Perfeitos – Raphael Montes

 

O livro que eu mais gostei de ler nesses meses foi Dias Perfeitos do carioca Raphael Montes. (Eu falei disso no Twitter também). É um thriller perturbador em que você está dentro da cabeça de um psicopata. Não vou dar muitos detalhes aqui porque pretendo postar uma resenha em breve. Mas foi sem dúvida o meu preferido nos últimos tempos.

 

  • Pedido de casamento no show do Luan

 

Sim, eu amo o Luan Santana. Gente, ele é apaixonante, não tem como não se encantar. E esse CD novo está incrivelmente romântico. Por isso, um cara resolveu pedir sua namorada (fã do Luan) em casamento no meio de um show! O pedido é lindo e teve o apoio do ídolo, o que só torna tudo ainda mais especial. Preparem os lencinhos!

 

  • Under The Dome

 

Eu sempre quis acompanhar essa série, mas tenho a mania de ler os livros antes de assistir às adaptações. Desde que Under The Dome estreou eu queria ver, mas fui adiando porque não tinha o livro. Não, eu não consegui o livro ainda, porém, resolvi quebrar meu protocolo e assistir à série primeiro. Conclusão? Estou viciadíssima! Já terminei as duas temporadas disponíveis no Netflix e estou louca pela terceira, apesar de já ter ouvido que não é tão boa quanto as primeiras.

 

  • Igor Saringe #TrabalhandonaDisney

 

Um dos meus maiores sonhos desde os 14 anos é o programa de intercâmbio ICP para trabalhar na Disney. Você só pode ir se estiver numa faculdade, mas eu quero isso desde bem novinha. Em novembro, o vlogueiro Igor Saringe foi para lá fazer esse intercâmbio e está registrando tudo em um diário de viagem. Pelos vídeos, a viagem está incrível, e meu sonho, é claro, só cresceu ainda mais.

 

 

Então, é isso gente. Esses foram meus favoritos nos últimos tempos. Não são muitos, mas eu estive mega enrolada com provas, ensaios, espetáculos, preparativos para a formatura… Não tinha muito tempo para procurar coisas novas. Espero que tenham gostado e não deixem de conferir cada item, porque vale muito a pena. Me contem se gostam desse tipo de post e me mostrem os seus favoritos também. Vocês sabem que eu adoro descobrir coisas novas!

Beijos da Bru!

Siga @ADemaisblog  no Twitter

Curta a fanpage do Adolescente Demais no Facebook

Siga @ademaisblog no Instagram